Dinossauros ajudam a pesquisar, ler e escrever

avisala_33_dinos22

Produção feita pelas crianças do Colégio Santo Américo

No Colégio Santo Américo, na cidade de São Paulo, os dinossauros contribuíram para um trabalho sobre textos informativos. Através da construção de um jogo tipo Super Trunfo1, diversos tipos de textos passaram a fazer parte do cotidiano da sala de aula. Isso possibilitou às crianças ampliarem seus conhecimentos e repertório, apropriando-se assim da linguagem específica de cada texto, estabelecendo um vínculo prazeroso com a leitura e a escrita.

Os textos informativos propiciam às crianças vontade de ir à busca de conhecimentos, pesquisar e ampliar a aprendizagem através da curiosidade. Dinossauro é um tema pelo qual as crianças mostram interesse. É a ponte entre o real e o imaginário. Animais que existiram há muito tempo, porém impossíveis de serem vistos hoje em dia. Esse projeto teve como objetivo estimular os alunos a escutar e ler textos informativos e científicos; conhecer a estrutura e especificidade de cada texto, fazendo uso de expressões características; ampliar gradativamente o vocabulário e formas de compreensão referentes ao gênero; produzir textos e reescritas a partir de leituras já realizadas; familiarizar-se com a escrita por meio de manuseio de livros, revistas e outros portadores de textos; comparar diferentes fontes de informações2 (livros, revistas, enciclopédias, vídeos, etc.). Os conteúdos trabalhados incluíram leitura de diferentes textos informativos, produção escrita, revisão de textos e características do gênero.

Produto final
Iniciamos o trabalho de elaboração de um jogo muito conhecido de todos, o Super Trunfo. Neste caso só de dinossauros.

Conhecimento prévio
Estas afirmações foram feitas em classe antes da pesquisa:

Eduardo Linhares – “Alguma coisa caiu em cima dos dinossauros e foi no México”.
Maria – “Porque um meteoro caiu e fez muita poeira e eles ficaram sem comer”.
Isabella Giorgetti – “Aconteceu um terremoto”.
Rogério – “Caiu um meteoro de fogo”.
Luca – “Eles comeram muitas folhas e não nasceu mais e eles morreram de fome”.
Thomas – “Os caçadores, homens da caverna, mataram eles”.
Guilherme – “Naquela época não existia homem das cavernas”.
Marie – “O tempo ficava mudando e eles morreram”.
Gabriella – “O meteoro caiu e levou todas as comidas”.
Thais – “Os dinossauros comiam tudo que encontravam na frente”.
Guilherme – “Um meteoro caiu na Terra e fez muita poeira. Essa poeira foi subindo, foi no México. Depois de um tempo encontraram alguns dinossauros embaixo da Terra, os fósseis. Não sobrou nenhum dinossauro. Aí surgiram os humanos, porque Deus achou que já estava na hora das pessoas aparecerem. Deus estava cansado dos dinossauros”.
Laura – “Os dinossauros estavam na Terra e aí aconteceu uma chuva de meteoro e as plantas morreram e os dinossauros também”.
João Victor – “Caiu um meteoro e fez poeira e os dinossauros morreram com falta de ar. Daí caiu um meteoro na água e fez uma onda gigante!”.
Guilherme –“ Tissunami!”.
João Victor – “Daí eles morreram”.
Rodolfo – “Caiu um meteoro na Terra daí levantou tanta poeira que cobriu o sol e daí eles ficaram sem plantas e os dinossauros foram morrendo e os carnívoros comeram os outros dinossauros”.
Eduardo Jordão – “Um meteoro caiu no México e levantou um monte de poeira e começou a abrir brechas na Terra e de repente começou um terremoto e matou os dinossauros”.
Felipe Iost – “Caiu um meteoro em cima dos dinossauros”.
Isabella Ataíde – “Caiu um meteoro e as plantas acabaram e aí os dinossauros não conseguiram mais comer e morreram”.
avisala_33_dinos21

Temas para pesquisa – algumas teorias

  • Meteoro – Gustavo, Felipe Iost, Felipe Keinast, Eduardo Linhares, Fernando, Julia, Thomas, Victoria, Eduardo J., Guilherme, Laura, Leon, Maria, Marie, Paolla, Rodolfo, Rogério, Thomas, Tiago Costa, Victoria.
  • Clima – Gustavo, Felipe Iost, Eduardo J., João Victor, Laura, Leon.
  • Mamíferos – Gustavo, João Victor.
  • Vulcões – Eduardo J, Laura, Marie.

Conteúdos para o jogo
As crianças listaram o que poderíamos colocar no nosso Super Trunfo:

  • Altura (Thomas)
  • Comprimento (Leon)
  • Período em que viveu (João Victor)
  • Gordura/Peso (Luca)
  • Nome (Isabella G.)

“Precisa do nome? Lembra que no Super Trunfo tem que ter números e tem que ganhar?” (Eduardo Linhares)

“Você lembrou muito bem, mas nós precisamos do nome dos dinossauros para saber todas as outras informações. Pensando nisso, tem alguma coisa que levantamos que não dá para competir?” (Gláucia)
“Tem o período, não dá pra ganhar ou perder o período”. (Eduardo Jordão)
“Também tem carnívoro e herbívoro”. (Fernando)
“Que nome poderíamos dar para isso?”.

Ninguém soube responder e eu informei: Alimento

Disse também que iríamos pesquisar as curiosidades de cada dinossauro, mas não poderíamos colocar no Super Trunfo.
“Quem sabe o que é curiosidade?”
“É vontade de saber tudo!’ (Thiago Teixera)

Aproveitando essa deixa das crianças, listamos o que queriam saber:
dinos27

O projeto

O próximo passo foi elaborar uma lista dos dinossauros conhecidos. Tentamos separar 10 dinossauros herbívoros e 10 carnívoros. Cada grupo escolheu os dinossauros. O melhor é que as escolhas foram feitas de maneira tranqüila e sem brigas. Não precisamos nem fazer sorteio. As crianças fizeram esta lição com o maior prazer. Escreveram com muito entusiasmo, sem preocupação em terminar logo.
dinos30

A ação seguinte foi construir uma tabela com as informações específicas de cada dinossauro, e pedir às crianças responsáveis pelos dinossauros para procurarem as informações que ainda estavam faltando. Selecionei os textos para facilitar o trabalho das crianças. O objetivo desta tarefa foi fazer com que elas, através da leitura, encontrassem as informações necessárias para a finalização do jogo.
dinos31
dinos32
Esse projeto possibilitou às crianças ler, escrever, pesquisar e também jogar com o baralho criado. Uma aprendizagem com sentido e significado para todos os envolvidos.

(Gláucia Barcena Albertoni e Tathiana Maria M. Leite , educadoras do Colégio Santo Américo)

1Tradicional jogo com 32 cartas, sendo que uma delas é a “Super Trunfo”, que ao entrar em disputa, pode ser invocada para tomar as outras cartas das mãos dos participantes.
2Confira, ao final do artigo, as referências sobre os materiais de apoio.
avisala_33_dinos24

Ficha técnica

Colégio Santo Américo – Rua Santo Américo, 275 – Morumbi – São Paulo – SP – CEP: 05629-900 – Tel.: (11) 2244-1888 – Site: www.csasp.g12.br
e-mail: [email protected]
Coordenadora de Educação Infantil: Liamara Montagnér Salamani
Educadoras: Lucy M. Andrade, Renata H. Alabi, Márcia C.R.D de Souza, Karina T. Simões, Gláucia B. Albertoni, Daniela Franco Claris, Maristela Basile L. Ribeiro, Danielle Guimarães Ferreira

Para saber mais


Livros para crianças

  • As cem linguagens da criança, Carolyn Edwards, Lella Gandini e George Forman. Ed. Artmed, Tel.: 0800 703-3444.
  • O ônibus mágico – na era dos dinossauros, Joana Cole e Bruce Degen. Ed. Rocco.Tel.: (21)3525-2000.
  • A vida dos dinossauros, Rosicler Martins Rodrigues. Editora Moderna. Tel.: (11) 6090-1500.

Filmes

  • Em busca do vale encantado é um desenho animado de 1988. Dirigido por Don Bluth. Disponível nas locadoras em formato DVD e VHS.
  • O tempo dos dinossauros, uma série que recria a época em que os grandes répteis habitavam a Terra. Dirigido por Tim Haines e Jasper James. Disponível nas locadoras em formato DVD.


Sites

  • Site da Academia Russa de Ciências. Exibe fósseis de dinossauros achados na Mongólia. http://www.ucmp.berkeley.edu/pin/pin.html Página com informações sobre dinossauros. Fotos, espécies, fósseis no Brasil, como foram extintos e outras informações.
  • http://www.dinosworld.cjb.net/
  • O site da National Geographic Brasil reúne a versão brasileira da revista. http://nationalgeographic.abril.com.br/home/

avisala_33_dinos29


Este conteúdo faz parte da Revista Avisa lá edição #33 de janeiro de 2008. Caso queira acessar o conteúdo completo, compre a edição em PDF ou impressa através de nossa loja virtual – http://loja.avisala.org.br

Posted in Revista Avisa lá #33, Tempo Didádico and tagged , , , , , , , , , , .