O Brincar e o Professor de Educação Infantil

O professor que trabalha com crianças de 0 a 5 anos precisa ter uma postura investigativa para compreender a complexidade da natureza infantil e favorecer o enriquecimento das competências imaginativas dos alunos por meio do lúdico. Por Márcia Tereza Fonseca Almeida

Continue lendo >

Cuidado é Educação: o trabalho com bebês

Apenas com a mudança de postura das profissionais da educação em enxergar as crianças e a si próprias como seres completos, inteiros, nos quais há muitas dimensões para se prestar atenção e para se educar cuidando, é que poderemos finalmente afirmar que educação é cuidado. Por Fernanda Carolina Dias Tristão

Continue lendo >

Ver além dos rabiscos

Uma das competências mais importantes de um professor de educação infantil é saber observar as crianças com o suporte de um apoio teórico consistente. Neste relato, a professora conta como acompanhou atentamente os desenhos dos alunos eduardo e vitória. Por Jucilene Leite da Silva Oliveira

Continue lendo >

Que choro é esse?

Elemento constante da vida das crianças pequenas e, portanto, da rotina dos educadores, o choro revela sentimentos e necessidades das crianças e exige um ouvido atento de quem quer ajudá-las a se desenvolver bem. Damaris Gomes Maranhão, Vera Christina Figueiredo, Joselma Veronez, Judite Santana

Continue lendo >

Nenhum a menos*

Inclusão na escola e democratização do acesso à cultura letrada é, sem dúvida, uma das prioridades da educação em nosso país. No município de embu, são paulo, um esforço coletivo de professores e formadores garante a aprendizagem de todas as crianças, incluindo-as na cultura escrita. Cleide Goes e Alexandra Contocani

Continue lendo >