O Programa Formar em Rede + foi avaliado positivamente em resultados de escrita em crianças de pré-escola.

Desenvolvido pelo Instituto Avisa Lá, com o apoio do Instituto Sonho Grande, o Programa Formar em Rede + realizado em oito municípios brasileiros, com foco na leitura e escrita, enfrentou a polêmica da alfabetização na Educação Infantil. Os resultados obtidos foram significativos, aferidos por pesquisa realizada por dois pesquisadores (PHDs da Universidade da Califórnia e de Princeton) do Laboratório de Avaliação, Análise e Pesquisa em Educação (Learn) da Fundação Getúlio Vargas de São Paulo.

A pesquisa foi realizada em duas fases, em 2015 e 2016, e avaliou habilidades cognitivas, maturidade intelectual, funções executivas, vocabulário expressivo por imagens e diagnósticos de leitura e escrita, de crianças de 4 a 6 anos de escolas municipais de Educação Infantil.

O método de análise foi realizado a partir de uma comparação controlada dos desempenhos das crianças em cada uma das dimensões avaliadas entre escolas participantes e escolas de comparação.

No segundo ano, o programa apresentou efeitos positivos na escrita das crianças por meio de avaliação elaborada especialmente para o programa. Também pode ser observada melhoria nos hábitos de leitura, pois as crianças que participaram do programa tendem a levar mais livros para casa, comentar sobre o livro que leram com os pais, pedir para que eles leiam para elas e os seus pais tendem a ler mais também.

O Programa FER+ está disponível para contratação por municípios que se interessam em desenvolver um trabalho com leitura e escrita de qualidade e com resultados comprovados.

Para saber mais, clique aqui.

Fazemos Parte

Facebook

Google+