O primeiro dia da professora

Como planejar sem conhecer as crianças? Esse foi o problema encontrado pela professora Ana Carolina no seu primeiro dia de trabalho. Ela considerou a faixa etária e pensou em propostas simples, com o objetivo de conhecer as crianças reais, sujeitos da relação de ensino e de aprendizagem. Partindo desse ponto de vista aproveitou os projetos que vinha desenvolvendo.

Aqui ela nos conta o que aconteceu nas páginas de seu diário de campo; nos links, trechos do livro O diálogo entre o ensino e a aprendizagem, de Telma Weisz

Fazemos Parte

Facebook

Google+